Projeto Uma Pessoa Por Dia

Foto: Felippe Hanower/O Globo

Quando a jornalista e fotógrafa Monalisa Marques criou o projeto Uma Pessoa Por Dia, a ideia era fotografar uma pessoa diferente durante o ano de 2013. Ela só não esperava que o projeto fizesse tanto sucesso quanto fez. Só no Facebook, 5.400 pessoas já curtiram a fanpage (https://www.facebook.com/umapessoapordia?fref=ts) que posta fotos das pessoas fotografadas a cada dia. Sempre pessoas diferentes e com histórias interessantes para contar como relata Monalisa na entrevista que concedeu ao Tabula Rasa onde ela conta como surgiu o projeto e quais são os planos para o futuro.

Tabula Rasa: Como surgiu a ideia do projeto?

Monalisa Marques: Na madrugada do dia primeiro para o dia dois de janeiro, recém-saída do réveillon, eu estava apaixonada, inspirada e com insônia. Curiosamente este foi o primeiro réveillon em que eu não fiz nenhum pedido, nenhuma simpatia nem nada. E foi o primeiro que me foi realmente produtivo. Eu já estava procurando alguma coisa com a qual me envolver, alguma coisa no campo das artes. Como o ano passado foi uma mistura de novas experiências e consumo de muita coisa diferente, isso com certeza criou a base para que surgisse a ideia. Eu já havia visto alguns desafios de fotografia que se propõem a fazer uma foto por dia de qualquer coisa (você também já deve ter visto). Isso estava no meu subconsciente, com certeza. E aí eu finalmente tive uma ideia.

Tabula Rasa: Por que fotografar 1 pessoa por dia?

Monalisa Marques: Porque todo mundo tem uma história para contar, e a vida é muito mais do que o que os acontecimentos que nos afetam diretamente, e também muito mais do que as tragédias recorrentes que nos chegam pelos jornais. Quando eu era criança (mentira, eu ainda faço isso) eu brincava de me imaginar na pele de pessoas diferentes, até de animais. Como seria se eu fosse a minha mãe? E se eu fosse o meu cachorro? E se eu fosse aquele cachorro que mora na rua em frente à padaria? E se eu fosse uma pessoa cega? E alguém muito rico? Muito pobre?

Eu percebi isso há pouco tempo, mas esse projeto é uma extensão dessa minha brincadeira.

Tabula Rasa: Quais dificuldades você teve até agora e por que?

Monalisa Marques: As maiores dificuldades surgem, de uma forma ou de outra, de mim mesma. Muitas vezes eu esbarro na preguiça e na timidez, em alguma coisa que me faz hesitar e querer ficar em casa para fazer qualquer outra coisa. Às vezes eu simplesmente não estou a fim de falar com ninguém, e tudo o que eu queria era ficar em casa, embrulhada no meu edredom, lendo o meu livro da vez ou vendo um filme. Outra dificuldade é a própria forma de abordagem. Sabe aquela história de carregar a positividade dentro de si para poder transmitir isso para a pessoa? Então. Estou aprendendo isso. Se, vendo a pessoa de longe, eu já ficar pensando nas possibilidades de ela não topar ser fotografada, as chances de essa pessoa de fato não topar ser fotografada são enormes.

Tabula Rasa:  E as surpresas boas?

Monalisa Marques: É incrível, mas os encontros que mais mexeram comigo foram justamente de dias em que eu não queria fazer a foto, em que eu só saí de casa pela obrigação. Encontrei pessoas incríveis que mudaram meu humor, mudaram meu dia e me fizeram ser um pouco mais feliz… E acreditar ainda mais no meu projeto-desafio. Uma dessas pessoas é a Lira. Também teve o moço que toca acordeão. E a senhora que desenha quadros.

Tabula Rasa:  Quais desafios você ainda pretende encarar até a conclusão do projeto?

Monalisa Marques: Cada dia é um desafio. A conclusão dele é o próprio desafio.

Tabula Rasa: O que você pretende fazer com o material coletado? Pretende fazer alguma exposição ou algo do gênero?

Monalisa Marques: Eu estou escrevendo um diário com as minhas experiências. Eu ficaria muito feliz se alguém topasse publicar um livro sobre isso. E eu estou pensando numa exposição, sim. Seria divertido ver todos os personagens posando ao lado de suas fotos… E depois juntar todo mundo num canto para uma foto de grupo.

Tabula Rasa: Divulgue aqui as páginas referentes ao projeto 1Uma pessoa por dia.

Monalisa Marques: Por enquanto tem apenas a fanpage do facebook: www.fb.com/umapessoapordia. Em breve haverá um site.

Confiram a galeria de fotos de algumas das pessoas que já foram fotografadas por Monalisa Marques para o projeto Uma Pessoa Por Dia.

Anúncios


Categorias:Artes, Entrevistas, Fotografia

Tags:, , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: