Review do episódio #1.03 de Under the Dome

under-the-dome-big-jim-linda

O episódio dessa semana de «Under the Dome», intitulado «Manhunt» não trouxe qualquer novidade em contrapartida ao precedente. Fica, assim, cada vez mais aparente a tentativa dos roteiristas de explorar mais os personagens do que a própria situação em que estão vivendo.

Depois dos eventos de «The Fire», o policial Paul (Kevin Sizemore) é preso, mas acaba escapando, ensejando assim o título do episódio. A única autoridade remanescente em Chester Mill, Linda (Natalie Martinez), recusa a oferta de Big Jim (Dean Norris) de ajudá-la a encontrar o fugitivo, ciente de que sua pretensão é mais uma tentativa de se sobressair politicamente. Mesmo assim, ele recruta três pessoas, e entre elas Barbie (Mike Vogel), para início das buscas.

Nesse meio tempo, Angie (Britt Robertson) arrisca uma nova estratégia junto ao seu captor quando descobre que a cidade toda está isolada pela redoma invisível, e Junior (Alexander Koch) sai então em busca de uma saída para fora da redoma, ao que é surpreendido por Julia (Rachelle Lefevre). O rapaz então a envenena contra Barbie, o que provavelmente a fará investigar o forasteiro, como de fato o faz nos instantes finais.

Joe (Colin Ford) é surpreendido por um convite de Norrie (Mackenzie Lintz), e sua casa acaba se tornando cenário de uma festa. Ao final, encontrados por Carolyn (Aisha Hinds), acabam tendo uma crise simultânea de convulsão.

Mais uma vez, a série não trata da redoma propriamente dita, e mesmo que os roteiristas tenham planos mais adiante de explorar a situação na qual os moradores de Chester Mill se encontram, é deveras estranho que ao menos esses mesmos habitantes estejam agindo normalmente quando o que os submete é não apenas inexplicável, como pode ter consequências que eles nem imaginam.

Senão, veja-se que pior do que os amigos de Joe organizarem uma festa na sua casa, ainda que o pano de fundo seja um eminente apocalipse, sem ao menos cogitar qualquer interesse quanto ao indecifrável poderio do escudo que circunda a cidade, é o fato de Norrie ser filha de um casal de lésbicas se tornar mais aterrador do que qualquer outra coisa que se possa passar de estranho em Chester Mill.

Como se não bastasse, Julia revela seu passado negro a Junior. Junior! E mais: deixa-se levar por suas especulações e suspeitas quanto a Barbie, justamente quando os dois pareciam desenvolver um início de relação. Aliás, que relação! No episódio, os dois pareciam completos estranhos, e estavam simples e insuportavelmente desconfortáveis junto um ao outro.

Enfim, apesar do piloto instigante, a série parece perder a mão a partir do segundo e terceiro episódios. Uma pena, pois tinha tudo para dar certo.

Anúncios


Categorias:Danielle Lenzi, Seriados, TV

Tags:, , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: